Processamento Auditivo e Terapias são tema de capacitação

Notícias

Processamento Auditivo e Terapias são tema de capacitação

19 Julho 2017 |

A Auris Aparelhos Auditivos realizou no último dia 14 de julho uma capacitação com o tema Processamento Auditivo com a fonoaudióloga Mariana Guedes, uma das brasileiras mais conceituadas na área. O evento aconteceu no Hotel Deville em Maringá com o objetivo de levar novos conhecimentos e atualização para parceiros e fonoaudiólogos da região.

 

Os principais pontos da capacitação foram os caminhos a seguir na adaptação de próteses, com foco para as terapias estimuladoras das partes do cérebro responsáveis pela audição. A fonoaudióloga discutiu até que ponto a tecnologia pode trazer melhores resultados para o paciente e a partir de qual estado é necessário orientar o paciente para a terapia do processamento auditivo como recurso para acelerar a habituação à prótese auditiva.

 

Mestre em Ciências com foco em Otorrinolaringologia, especialista em audiologia e membra da Academia Brasileira de Audiologia, Guedes já fez parte da Equipe de Implante Coclear do Hospital das Clínicas de São Paulo (2000 - 2009) e é docente convidada em diversas especializações da área de processamento auditivo, processos de aprendizagem, implantes cocleares e reabilitação auditivo-cognitiva.

 

O processamento auditivo é todo o processo da audição, desde o som que entra na orelha até o cérebro. Algumas pessoas podem apresentar problemas em apenas uma parte deste processo, queixando-se de dificuldade para ouvir em ambientes barulhentos ou ouvir vozes distorcidas. Nesses casos a terapia é importante para a adaptação à prótese e retomada da qualidade auditiva. Fatores genéticos, lesões cerebrais e envelhecimento podem levar a um distúrbio no processamento auditivo.