Fumar: o que isto tem a ver com sua audição?

Notícias

Fumar: o que isto tem a ver com sua audição?

24 Agosto 2017 |

Muito se fala dos malefícios que o hábito de fumar provoca no corpo humano. Mas, você sabia que o tabaco também é prejudicial para a sua audição? O fumo é nocivo ao nosso organismo porque atrapalha o fluxo de oxigênio pelo sangue e isso leva a morte das células da parte interna do ouvido.

Pesquisas recentes mostraram que os fumantes têm 15% mais chances de desenvolver perda auditiva precoce do que os não-fumantes, mas esse número pode variar conforme os hábitos. Para se ter uma noção, uma pessoa que fuma cinco cigarros por dia tem quatro vezes mais chances de ter zumbidos do que uma não-fumante. Além disso, jovens com idade entre 12 a 19 anos expostos à fumaça do cigarro, os chamados fumantes passivos, apresentam mais chance de sofrerem perda auditiva precocemente.

 

Fumo e perda auditiva levam a outros problemas

Além de todos os malefícios que o cigarro traz, uma pessoa fumante e que já apresenta alguma perda auditiva pode ter dificuldade para dormir ou de ter um sono de qualidade. É mais comum os fumantes terem problemas respiratórios e apneia do sono. A combinação do tabaco e da perda auditiva aumenta as chances do indivíduo ter também: problemas de pressão, obesidade, diabetes e doença cardíaca.

 

Parar de fumar diminui os riscos

A partir do momento que você resolve assumir hábitos mais saudáveis, o seu organismo já começa a responder. Parar de fumar, não importa a idade, poderá trazer benefícios a curto, médio e longo prazo. Deixar de se expor à toxicidade do cigarro, com certeza, aumentará a sua qualidade de vida e te deixará mais disposto para as atividades diárias. Que tal?